PUBLICIDADE
ANUNCIE: ☎ 54 3614 2118
ALRS
Em ritmo de feriado, Santos e Grêmio empatam sem gols no Pacaembu
Peixe reclama de pênalti de Geromel em Rodrygo no segundo tempo


Geromel falou sobre lance com Rodrygo (Foto: Marcos Ribolli/GloboEsporte.com)




O Santos reclamou muito ao final do empate em 0 a 0, nesta quinta-feira, no Pacaembu, de um pênalti de Pedro Geromel em Rodrygo. O lance, aos 32 minutos do segundo tempo (veja acima), levou Cuca à loucura e o fez reclamar com o árbitro Wilton Pereira Sampaio após o apito final. Um dos protagonistas do lance, o zagueiro do Grêmio foi “sincerão” no vestiário, classificou o lance como duvidoso e disse que quem viu na TV afirmou que “pareceu bastante”.

Geromel explicou que tentou parar no lance, mas não conseguiu e houve o choque com Rodrygo. O passe de Bryan Ruiz chegou para o atacante, que tenta fazer o giro e é acertado pelo defensor gremista.

Foi um lance na área, não tinha visto ele. Fui tirar e ele apareceu, tivemos o choque. Em nenhum momento tive a intenção de fazer a falta, de encostar nele. Eu não tive a oportunidade de ver o lance na TV. Mas falaram que pareceu bastante pênalti. Foi lance duvidoso, com certeza. Quando vi que era ele, tentei parar, mas o contato teve - comentou Geromel.

O técnico gremista também foi questionado sobre o assunto em sua entrevista coletiva. No entanto, para Renato, não houve falta no lance. O treinador inclusive foi até Cuca, quando este reclamava com a arbitragem, após o fim do jogo, para tentar acalmar o adversário. Ambos são amigos de longa data. Para o técnico do Grêmio, a principal jogada da partida foi o escorregão de Alisson nos minutos finais, na frente de um Vanderlei já longe da meta.

O grande lance da partida, você que está falando, eu não vi pênalti, foi o Alisson ter escorregado no fim do jogo. O gol era certo. Foi o grande lance do jogo. Quanto ao Cuca, tem todo o direito de reclamar. Na minha opinião, foi uma disputa pelo espaço, não foi de maneira alguma. Acontece em uma partida. O árbitro vai acertar e errar. O mesmo árbitro, no Gre-Nal, tivemos três pênaltis e eu não saí reclamando, tem o direito de errar. E continuo afirmando que não foi pênalti - comentou Renato.

Com o empate, o Grêmio ficou com 41 pontos e caiu para a quinta colocação. Está cinco atrás do líder Inter, com 46, adversário do Gre-Nal no domingo, no Beira-Rio. O elenco retorna de São Paulo na tarde desta sexta-feira direto para o CT Luiz Carvalho, para um treino.








Correio do Povo